quinta-feira, setembro 02, 2010

2 de Setembro

Olá pessoal,

Eu entendo o abondono deste blog, mas como diz a parábola: O filho pródigo sempre volta.
Começando com a primeira reflexão da minha volta ao blog, através das palavras de Machado de Assis, no seu conto: O Enfermeiro; Onde eu arranjo uma "desculpinha" pelo meu sumiço e ter deixado vocês ao deus dará.

"Olhe, eu podia mesmo contar-lhe a minha vida inteira, em que há outras cousas interessantes, mas para isso era preciso tempo, ânimo e papel, e eu só tenho papel; o ânimo é frouxo, e o tempo assemelha-se à lamparina de madrugada."


Lembrando que, eu aconselho a leitura do conto, cuja a reflexão é muito boa!

Um comentário:

Juliana. disse...

Ele voltou, ebaaaaaaaa!
Seja bem vindo novamente! Reflexão realmente boa! Esperamos tuas palavras e não some mais viu..rs!
Um abraço Leandro!